MENU

JORNAL O+POSITIVO - FUNDADO EM 2004

sexta, 23 de Junho de 2017

É FÁCIL VER A DIFERENÇA, COMPARE!

PUBLICIDADE

Manchete

Vereadores que têm melhor desempenhado suas funções são avaliados em Baliza

O trabalho de Marcos da Verdura tem a preferência de mais de 50% dos abordados. Luana tem 4,46% e Bajara e Jicelia 2,68% cada um

18/05/2017, às 09h05

Foto: Niratan Itacarambi

O Jornal O+Positivo ouviu no dia 12 de abril passado 224 balizenses em todos os bairros do município. O objetivo é realizar uma pesquisa de opinião pública para verificar quais os vereadores têm atuado de forma mais positiva segundo os entrevistados. A margem de erro é de 4% para mais ou para menos e o intervalo de confiança é de 95%.

Mais de 50% dos abordados entendem que o vereador Marcos da Verdura (PSDB) é o que mais tem desempenhado seu papel positivamente. Para 53,13% o tucano merece o título de melhor vereador de Baliza.

Segundo a opinião de 4,46% dos balizenses ouvidos, a Luana (PTB) é a vereadora que mais tem desempenhado seu papel positivamente.

Bajara (PDT) e Jicelia (DEM) ficaram empatados na terceira posição de vereadores que mais desempenharam sua função positivamente para os balizenses respondentes. 2,68% entendem que Bajara é melhor e para 2,68%, Jicelia é melhor.

Outros vereadores foram lembrados por 5,8% dos entrevistados como os que melhor desempenharam as suas funções de parlamentares. Para 22,77% dos balizenses, nenhum dos nove vereadores estão desempenhando suas funções de forma positiva. 8,48% não souberam ou não responderam.

 

Detalhes dos respondentes

O Jornal O+Positivo ouviu 55,36% de mulheres e 44,64% de homens. 10,71% dessas pessoas têm de 16 a 24 anos, 50% de 25 a 34 e 25% de 35 a 44 anos de idade. 8,93% afirmaram estar na faixa etária de 45 a 49 anos e 5,36% estão com 60 anos ou mais.

O Grau de Escolaridade dos entrevistados também é informado e 39,73% disseram ser analfabetos, serem capazes de ler e escrever ou terem concluído apenas o Ensino Fundamental. Já 54,02% afirmaram ter concluído ou iniciado o Ensino Médio e 6,25% ter concluído ou iniciado o Ensino Superior.

38,39% dos abordados disseram que não tem rendimento ou vivem com até um salário mínimo por mês. 53,13% têm vencimentos que vão de um a três salários mínimos e 6,70% recebem de três a cinco salários mínimos. 1,78% preferiram não responder ou não sabiam.

Quando a pergunta foi religiosidade, 42,86%  se julgam católicos e 33,48% evangélicos. 1,79% são espíritas e 5,80% seguem outro tido de doutrina. 11,16% disseram que não têm religião ou são ateus e 4,91% não souberam ou não responderam.

Veja também

PUBLICIDADE