MENU

JORNAL O+POSITIVO - FUNDADO EM 2004

terça, 16 de Janeiro de 2018

É FÁCIL VER A DIFERENÇA, COMPARE!

PUBLICIDADE

Cidades

Prefeitura de Baliza entrega dois veículos à comunidade

Ambulância e ônibus foram recebidos com festa. Para a prefeita Fernanda Nolasco, conquistas devem ser atribuídas ao fato do município estar com as certidões em dia para poder firmar parcerias

30/10/2017, às 11h10

Neste mês de outubro o município de Baliza aumentou o seu patrimônio ao apresentar à sociedade dois novos veículos. A ambulância e o ônibus de 60 lugares foram entregues pela prefeita Fernanda Nolasco no dia 20 e foram recebidos com festa e desfile.

A ambulância Chevrolet foi adquirida por meio de emenda parlamentar do deputado estadual Lincoln Tejota e contrapartida do município. O veículo será utilizado para transportar pacientes da Secretaria da Saúde.

Já o ônibus chegou à Baliza graças a uma doação do Governo de Goiás, que havia o recebido do Programa Caminho da Escola, compro com recursos do Ministério da Educação (Mec). O veículo foi lotado na secretaria da educação. “Assim que a prefeita Fernanda nos fez a solicitação fomos à secretária estadual da educação que de pronto nos atendeu. Mas não fizemos nada mais do que a nossa obrigação, vocês nos elegeram para trabalhar”, reconheceu Tejota.

“A Fernanda tem feito o dever de casa. Os benefícios estão chegando porque a Prefeitura está com todas as certidões em dia. É por isso que já trouxemos outra ambulância, que foi entregue no assentamento, hoje estamos entregando esses dois veículos e em breve vamos trazer outro para servir a secretaria da saúde. Fizemos também a solicitação e fomos atendidos pela secretaria estadual da saúde e em breve vamos entregar um Raio X digital, que custa cerca de R$ 280 mil ao município”, completou o parlamentar.

Fernanda Nolasco definiu a conquista dos veículos como “importante”. “Esse ônibus custou R$ 250 mil, mas já estava destinado a outro município, que perdeu por falta de certidões. Nós só conseguimos ele para Baliza graças à regularidade das certidões do município e o empenho do deputado Lincoln Tejota”.

Para o presidente da câmara, vereador Marcos da Verdura, a competência da prefeita e sua equipe têm levado Baliza ao desenvolvimento. “Quando a gente trabalha, luta com união, sinceridade e sabe escolher a equipe, as coisas acontecem. Então, Fernanda, mais uma vez parabéns pelo seu trabalho e pela excelente equipe que você montou. Baliza tem ganhado muito”, respaldou Marcos.

Veja também

Câmara concede título de cidadão arenopolino a João Santana e a Marinho

03/01, às 14h01

Homenagem foi entregue ao diretor do Jornal O+Positivo e ao empresário da construção civil José Marinho, que nasceram em diferentes cidades mas que contribuíram para o crescimento de Arenópolis


Dia da Bíblia será comemorado em Piranhas

09/12, às 08h12

Carreata e culto religioso estão programados para o próximo domingo. Prefeitura convida a todos, independente da crença, para participarem


Pontes danificadas são reconstruídas em Piranhas

04/12, às 00h12

Tráfego de veículos já foi liberado nas três pontes. Estrutura moderna com vigas de concreto pré-moldado era desejo antigo dos transeuntes


Dívida superior a 4,5 milhões pode levar Celg a interromper o serviço para o município de Piranhas

29/11, às 16h11

Desde 2009 a prefeitura não paga as faturas referentes aos prédios públicos e iluminação das ruas. Acordo entre empresa e administração tenta colocar fim ao impasse. Para prefeito, esse é o maior "gargalo" da gestão


Porcos são criados às margens do Córrego Água Limpa, nas proximidades da estação que capta a água que abastece Piranhas

28/11, às 13h11

Animais ficam a cerca de um quilômetro de onde a água é coletada pela Saneago e a aproximadamente 5 metros do Córrego Água Limpa, responsável pelo abastecimento da cidade


Sem nenhum tratamento, esgoto do presídio de Piranhas é despejado no Córrego Olaria

14/11, às 23h11

Problema existe há mais de 15 anos sem que o Estado tome providência. O diretor da cadeia diz que “não tem recurso disponível para custear” qualquer obra. Jornal O+Positivo já denunciou o crime ambiental


PUBLICIDADE